Clínica Infantil Indianópolis

O BEBÊ CHIADOR E A ASMA PARADIGMAS DAS DOENÇAS PERSISTENTES, RECORRENTES E CRÔNICAS

Autor: Rubens Tadeu Bonomo



A classificação das doenças em aguda, aguda prolongada ou protraída e crônica, assim como o reconhecimento das persistentes e das recorrentes, não são puramente acadêmicas, uma vez que esta caracterização foi convencionada e, portanto, não deixa de guardar certa subjetividade, mas têm suas implicações práticas na abordagem diagnóstica, terapêutica e no seu prognóstico.



No entanto, com exceção das doenças congênitas, deve-se considerar que as doenças crônicas já foram agudas prolongadas e estas, por sua vez, já tiveram suas agudizações. 


Clique aqui e baixe o artigo completo

Tabela 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *